Menina indígena sequestrada dentro de casa é encontrada morta no AM

Menina indígena sequestrada dentro de casa é encontrada morta no AM

Adolescente de 16 anos é suspeito de matar a criança, que sofreu violência sexual. Outros dois suspeitos também foram presos.

Uma menina de 5 anos que desapareceu de dentro de casa na comunidade Nova Vida, área indígena Sateré-Mawé em Barreirinha (AM), foi encontrada morta na segunda-feira (23). Um adolescente de 16 anos, suspeito de matar a criança, foi apreendido.

Nesta terça-feira (24), outros dois suspeitos também foram presos pela polícia.

O coordenador da Funai de Parintins, Sérgio Butel, explicou que a menina teria sumido de dentro de casa durante a madrugada. Ao perceber o desaparecimento da criança, a família chamou os vizinhos e iniciou a procura. Equipes da Funai e do Distrito Sanitário Especial Indígena (DSEI) de Parintins auxiliaram nas buscas.

“Pela manhã, eles encontraram ainda na praia vestígios de violência, inclusive uma camisa que mais tarde seria descoberto que era de um dos suspeitos. Os comunitários se uniram e conseguiram localizar o suspeito, que confessou o fato e levou até o local onde ele tinha escondido, parcialmente sepultado, o corpo da criança”, afirmou Butel, da Funai de Parintins.

De acordo com o laudo do médico Rafael Lopes, do DSEI Parintins, a menina sofreu violência sexual e foi morta por estrangulamento.

O corpo da criança foi encaminhado para autópsia em Barreirinhas e após o procedimento seria encaminhado para a realização do enterro pela família.


Fechar Menu