Polícia cumpre mandado e apreende celulares de homem suspeito de aliciar crianças e adolescentes no AM

Polícia cumpre mandado e apreende celulares de homem suspeito de aliciar crianças e adolescentes no AM

Segundo as investigações, suspeito conseguia contato das vítimas e passava a manter uma relação de amizade. Ele chegava, ainda, a se automutilar e escrevia o nome delas no próprio corpo.

Um homem de 30 anos, suspeito de aliciar menores de idade nos municípios de Santa Isabel do Rio Negro e São Gabriel da Cachoeira, no interior do Amazonas, foi alvo de um mandado de busca e apreensão, pela Polícia Civil, na quinta-feira (22). Ele mora na Zona Norte de Manaus.

De acordo com a polícia, o homem responderá pelos crimes de aliciamento de menores e ameaça. Após a realização da busca e apreensão, ele foi notificado a comparecer no 14° Distrito Integrado de Polícia (DIP), onde passou pelo Auto de Qualificação e Interrogatório e foi liberado.

As investigações sobre o caso iniciaram em julho quando a mãe de um adolescente de 13 anos compareceu à delegacia de Santa Isabel do Rio Negro para denunciar o envio de mensagens suspeitas por parte do homem, com forte teor de aliciamento.

“Com base nessas informações, iniciamos as investigações e, após colhermos depoimentos, descobrimos também que existiam outras vítimas, entre elas, um adolescente de 15 anos morador do município de São Gabriel da Cachoeira, que estava passando pela mesma situação”, explicou o delegado Aldiney Nogueira, titular da delegacia do município.

De acordo com o delegado a aproximação com as vítimas ocorria por meio de grupos de redes sociais e aplicativos de mensagens instantâneas, onde o assunto principal era um jogo popular entre os adolescentes. O homem, então, conseguia o contato das vítimas e passava a manter uma relação de amizade. Chegava, ainda, a se automutilar e escrevia o nome delas no próprio corpo.

As investigações também mostram que o suspeito utilizava um outro número de celular e se passava por uma mulher, onde mantinha conversas sobre relações sexuais e pedia imagens e vídeos íntimos dos adolescentes. Após as vítimas cortarem a amizade com o homem, ele passava a ameaçá-las.

Os policiais descobriram que o indivíduo morava na Cidade de Deus, na Zona Norte de Manaus. A partir daí, o delegado solicitou à justiça um mandado de busca e apreensão para averiguar a existência de aparelhos eletrônicos contendo vídeos ou fotos pornográficos, envolvendo crianças e adolescentes. No momento da ação, os policiais apreenderam dois celulares, que serão encaminhados para a perícia.


Fechar Menu