Manaus

Especialistas de segurança pública do Brasil, EUA, Europa e América do Sul participam de encontro de Inteligência em Manaus

  • março 1, 2020
  • 2 min read
Especialistas de segurança pública do Brasil, EUA, Europa e América do Sul participam de encontro de Inteligência em Manaus

Operação da SSP-AM iniciou na madrugada desta terça-feira — Foto: Eliana Nascimento/G1 Amazonas

Proposta é incentivar cooperações internacionais para o combate aos crimes transnacionais.

Autoridades e especialistas de Segurança Pública do Brasil, Estados Unidos, Europa e de países da América do Sul vão se reunir em Manaus, entre os dias 7 e 9 de abril, para discutir as experiências e as estratégias de combate ao crime nas regiões de fronteira. A proposta é incentivar cooperações internacionais para o combate aos crimes transnacionais.

Evasão de divisas, lavagem de dinheiro, tráfico de armas e drogas, tráfico de órgãos e de pessoas, e os desafios do combate ao crime ambiental, incluindo a biopirataria, serão temas do debate, promovido pela Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM).

De acordo com o secretário de Segurança Pública do Amazonas, coronel Louismar Bonates, a meta é desenvolver uma Rede de Inteligência, com banco de dados integrado, visando a produção de informações para combater diversos crimes.

“As organizações criminosas atuam sem fronteiras, com conexões no mundo inteiro. Por isso, é urgente que as polícias também desenvolvam protocolos para acessar e fornecer informações de forma célere, que ajudem na localização de criminosos, no combate às organizações e na prevenção dos crimes que muitas vezes cruzam nossas fronteiras com direção a outros países, mas deixam um rastro de problemas que afeta toda a sociedade, como é o caso das drogas”, salientou.

O Amazonas tem firmado cooperações técnicas com outros estados para trabalhar operações policiais em conjunto. Já há protocolos assinados com Rondônia, Roraima e Acre que permitem tanto a troca de informações de inteligência quanto o desenvolvimento de operações policiais.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

8 − 4 =