Mulher fica ferida após carro capotar em acidente na Avenida Mário Ypiranga, em Manaus

Mulher fica ferida após carro capotar em acidente na Avenida Mário Ypiranga, em Manaus

ítima estava a caminho de maternidade para levar roupas a filha que havia dado à luz. Veículo que ela dirigia foi atingido por outro carro.

Uma mulher ficou ferida após o carro que ela dirigia ser atingido por outro veículo e capotar, na tarde desta terça-feira (21), na Avenida Mário Ypiranga, no bairro Adrianópolis, Zona Centro-Sul de Manaus. Ela foi socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e encaminhada ao Pronto-Socorro 28 de Agosto, na mesma avenida.

O acidente aconteceu por volta das 16h, segundo o Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (Immu). A vítima, uma motorista de aplicativo, de 40 anos de idade, estava indo para uma maternidade para levar roupas para a filha, que havia acabado de dar à luz.

Agentes de trânsito do IMMU informaram que uma picape saiu do cruzamento para atravessar a Avenida, no momento em carro da vítima passava. Ainda conforme o IMMU, ao invés de pisar no freio, o motorista da picape tocou o acelerador, colidindo contra o carro e fazendo com que o veículo capotasse.

No local, amigos da vítima, que fazem parte de um grupo de motoristas de aplicativo, contaram que foram acionados por meio de um botão de socorro pela motorista. A colega de profissão da mulher, Kertman Machado, contou como soube do acidente.

“Ela apertou o botão do pânico e disse que havia se acidentado. Nós corremos para cá. Ela estava indo deixar roupas para a filha e o neto dela no momento do acidente”, contou.

“Em vez de eu pisar no freio, o carro arrancou. É o carro da minha esposa, de modelo automático. Eu estava a caminho de casa quando isso aconteceu. Fiquei traumatizado, não quero mais dirigir. Ainda bem que não aconteceu o pior, foram apenas perdas materiais”, disse.

As partes, segundo o Immu, fizeram um acordo entre si, não sendo necessário que a perícia fosse ao local. A mulher segue no hospital, onde passa por atendimentos para verificar o estado de saúde.

Fonte: Portal G1


Fechar Menu