Vigilante é preso suspeito de estuprar filhas e enteada na Zona Norte de Manaus

Vigilante é preso suspeito de estuprar filhas e enteada na Zona Norte de Manaus

Crimes aconteciam desde quando vítimas eram crianças, segundo delegada. Irmãs procuraram delegacia para denunciar caso.

Um vigilante de 43 anos foi preso, na manhã desta quarta-feira (30), em cumprimento a mandado de prisão preventiva por estupro de vulnerável, na Zona Norte de Manaus. O homem é suspeito de ter abusado sexualmente das próprias filhas, de 12 e 14 anos, e da enteada, uma jovem de 19 anos.

De acordo com a delegada Joyce Coelho, titular da Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca), as investigações em torno do caso tiveram início na quinta-feira (24), quando as três irmãs procuraram a Especializada para denunciar que haviam sido vítimas de estupros cometidos pelo familiar ao longo dos últimos anos.

Segundo Coelho, as vítimas alegaram, em depoimento, que o vigilante aproveitava os momentos em que a companheira dele, e mãe delas, saía para trabalhar, e cometia os crimes sexuais. As irmãs foram abusadas desde que tinham 8, 9 e 12 anos, respectivamente, segundo a delegada.

A filha de 14 de anos chegou a ser abusada sexualmente na última semana, dias antes da denúncia ter sido formalizada, segundo informou a delegada Joyce. A titular da Depca explicou que, como não cabia mais situação de flagrante no dia do registro do Boletim de Ocorrência (BO), as equipes iniciaram imediatamente os trabalhos investigativos.


Fechar Menu