Manaus

Mulher é levada para hospital após ser agredida com chutes e cadeiradas pelo companheiro, em Manaus

  • março 4, 2020
  • 2 min read
Mulher é levada para hospital após ser agredida com chutes e cadeiradas pelo companheiro, em Manaus

Delegacia da Mulher, em Manaus — Foto: Eliana Nascimento/G1 AM

Homem foi indiciado e deve cumprir medidas protetivas.

Uma mulher foi levada para o hospital depois de ser agredida pelo companheiro na casa onde mora nesta segunda-feira (2), em Manaus. O homem chegou a ser indiciado e deve cumprir medidas protetivas.

De acordo com a titular da Delegacia Especializada em Crimes Contra a Mulher, delegada Débora Mafra, no hospital, a vítima disse que não se lembrava do que tinha ocorrido.

“A amiga que a levou para o hospital que relatou para ela que ela tinha levado uma cadeirada na cabeça depois de discutir com o companheiro”, afirmou Mafra.

Conforme a titular da Delegacia, a vítima saiu com uma amiga na noite anterior ao fato e quando retornou para casa, na manhã desta segunda-feira (2) encontrou o companheiro embriagado. “Os dois estavam alcoolizados e com isso se iniciou uma discussão. Quem relatou foi ele, que disse que ela foi pra cima dele, quebrando os móveis. Ele disse que ela se machucou dessa maneira, negando toda a autoria”, explicou.

Durante os cinco anos de relacionamento, conforme relatado pela delegada, a vítima foi agredida outras vezes. “Ela solicitou as medidas protetivas de urgência, ela falou que quer parar o relacionamento porque disse que já deu muitas chances, foi agredida outras vezes, porém nunca denunciou. Dessa vez ela achou que o caso foi muito grave”, contou a titular da especializada.

A amiga da vítima, que testemunhou o ocorrido, será chamada na delegacia para fornecer mais detalhes a respeito da briga entre o casal. “Independente disso, ele já está indiciado e será processado pelo crime que ele cometeu”, acrescentou.

Conforme a delegada Débora Mafra, com a medida protetiva, o agressor fica proibido de entrar em contato com a vítima, ou amigos e familiares dela, bem como deve manter a distância de, pelo menos, 300 metros.

Fonte: G1

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um × dois =