Casal é preso após denúncia de festa clandestina com adolescentes alcoolizados, no interior do AM; PM apreendeu mais de R$ 8 mil em casa

Casal é preso após denúncia de festa clandestina com adolescentes alcoolizados, no interior do AM; PM apreendeu mais de R$ 8 mil em casa

Homem e mulher foram detidos por corrupção de menores, descumprimento do decreto que proíbe eventos com mais de 100 pessoas no Estado, desacato e resistência à prisão.

Durante uma festa clandestina, um casal foi preso por corrupção de menores, descumprimento de um decreto estadual que proíbe eventos com mais de 100 pessoas, desacato e resistência à prisão no município de Itacoatiara, no interior do Amazonas.

Uma quantia de R$ 8,592,30 em dinheiro, um bloco de notas com comandas e um celular foram apreendidos no momento das prisões, que aconteceram em uma casa no bairro São Cristóvão. Além disso, treze adolescentes foram encontrados no local, visivelmente alcoolizados, segundo a polícia.

Segundo informações da Força Tática do 2º Batalhão de Policia Militar (2º BPM), no início da noite, os policiais militares receberam uma denúncia anônima por meio de telefone, informando que em uma residência nas proximidades de um Centro de Eventos estaria sendo realizada uma festa clandestina, com aglomeração de pessoas, sendo a maioria delas, menores de idade consumindo bebidas alcóolicas.

Por volta das 19h, a polícia e o Conselho Tutelar chegaram até o local e confirmaram a denúncia. O dono da casa, um homem de 40 anos foi chamado para depor, mas segundo a polícia, ele teria se recusado, e por isso recebeu voz de prisão. Ele resistiu, e foi necessário o uso de força moderada para levá-lo até a delegacia.

A polícia disse, ainda, que a mulher dele, da mesma idade, ao tentar de impedir a prisão do marido, teria agredido um dos policiais, e também recebeu voz de prisão. Todos os envolvidos foram conduzidos à 2ª Delegacia Regional de Itacoatiara para realizar os procedimentos legais.


Fechar Menu