Cinco homens são presos suspeitos de integrar quadrilha de roubo e clonagem de veículos em Manaus

Cinco homens são presos suspeitos de integrar quadrilha de roubo e clonagem de veículos em Manaus

Seis motos e seis carros foram apreendidos durante as prisões.

Cinco homens foram presos, manhã de quarta-feira (8), suspeitos de integrar uma quadrilha de roubo e clonagem de veículos em Manaus. As prisões aconteceram em duas casas, nos bairros Coroado, na Zona Leste da capital e no bairro Riacho Doce, Zona Norte.

Além das prisões, pelo menos seis motos e seis carros foram apreendidos. Segundo a polícia, os suspeitos arrecadaram mais R$ 65 mil reais, fruto da venda dos veículos, só no último golpe.

De acordo com informações da Delegacia Especializada em Roubos e Furtos de Veículos (Derfv), dois homens eram responsáveis por encomendar o roubo dos veículos. Outros dois eram responsáveis pela clonagem dos carros e das motos, além da falsificação de documento. Por último, eram repassados ao quinto membro da quadrilha, que fazia as vendas pela internet. Uma oficina de fachada na Zona Leste era usada para realizar os procedimentos da organização criminosa.

O delegado titular da Derfv, Cícero Túlio, explicou que a investigação decorre de um registro de ocorrência, feito há três semanas por uma pessoa que notou que o carro apresentava sinais que havia sido adulterado.

”Há alguns dias, uma pessoa havia sido enganada. Ela percebeu, entrou em contato com a polícia, nós fizemos a perícia e foi constatado que havia sido feita a clonagem. Assim, indianos os procedimentos para identificar e localizar os suspeitos”, explicou.

A polícia suspeita que mais pessoas tenham sido vítimas da quadrilha, e as investigações devem continuar para identificar mais suspeitos.

Um motorista de aplicativo, que preferiu não se identificar, teve o carro roubado por dois membros armados da quadrilha no mês passado, após finalizar uma corrida, na rua Liverpool, no bairro Nova Cidade, Zona Norte da capital

“Estava finalizando uma corrida por aplicativo. Parei o carro para atender uma ligação. Nesse momento, dois homens armados me abordaram e levaram o carro, que eu consegui encontrar com a ajuda da polícia no mesmo dia, poucos metros depois, por conta do rastreador”, contou.

Os cinco homens vão ser indiciados por organização criminosa, receptação qualificada, uso de documentação falsa, e adulteração de sinal identificador dos veículos. Eles serão levados à Central de Recebimento e Triagem (CRT) e vão passar por audiência de custódia por meio de videoconferência.


Fechar Menu