Polícia volta a apreender arma e munições em presídio no AM, e servidores são afastados por suspeita de desvios de conduta

Polícia volta a apreender arma e munições em presídio no AM, e servidores são afastados por suspeita de desvios de conduta

Roteadores de internet, celulares e droga também foram apreendidos na cidade de Tabatinga.

A polícia apreendeu no sábado (18) munições, arma, celulares e vários outros produtos ilícitos durante revista na Unidade Prisional do município de Tabatinga, a 1.108 Km de Manaus, segundo a Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap). No dia 15, mais de 10 celulares e 67 armas haviam sido localizados dentro da unidade.

De acordo com a Seap, foram encontrados, ao todo, uma arma de fogo tipo pistola calibre 380, com um carregador; 63 munições calibre 380; 26 aparelhos celulares; quatro roteadores de internet; uma bateria de celular; 27 carregadores de celular; oito fones de ouvido; um chip de celular; 23 cabos USB; seis estoques e outros.

A ação contou com a atuação de uma equipe da Coordenação do Sistema Penitenciário (Cosipe), que foi deslocada até o município.

Durante a primeira revista, realizada na quinta-feira (15), as equipes retiraram das celas 22 celulares; cinco chips de celular; um carregador de celular; 25 estoques; 23 trouxas de entorpecentes; dois cartões de memória e quantias em dinheiro peruano e colombiano.

De acordo com a Seap, todo procedimento foi acompanhado por representante da Defensoria Pública do Estado (DPE) e os materiais apreendidos nas duas revistas foram apresentados na 4° Delegacia Regional de Polícia Civil (DRPC).

A Seap informou que determinou o afastamento de servidores da unidade prisional até que sejam apurados supostos desvios de conduta em função da entrada dos materiais ilícitos. O número de profissionais afastados não foi informado.

Ainda de acordo com o governo, os internos que se encontravam nas celas com os produtos proibidos serão submetidos ao Conselho Disciplinar.


Fechar Menu